Nos 86 Anos do CCEPA, A Homenagem ao Casal Jones

O dia 23 de abril assinalou a passagem dos 86 anos do Centro Cultural Espírita de Porto Alegre (ex-Sociedade Espírita Luz e Caridade)

O aniversário do CCEPA foi comemorado por seus associados e amigos no último dia 29/4, com uma expressiva homenagem ao casal Maurice Herbert Jones e Elba, de marcante influência na história da instituição. O ato contou com a presença de familiares do querido casal, ambos recentemente desencarnados.

Em emocionado pronunciamento, a presidente do CCEPA, Dirce Teresinha Habkost de Carvalho Leite, assinalou servir aquele momento para expressar gratidão a todos os bravos seres humanos que deram de si mesmos para construir o CCEPA, fazê-lo grande, respeitado e admirado na comunidade espírita do nosso país e para além de nossas fronteiras pátrias”.

Para ela, “Seu Jones nos deu uma meta como instituição, e nos sugeriu atitudes, inspiradas em Kardec, diante do conhecimento que vamos construindo”. Concitou seus companheiros da Casa no sentido de “que, como pessoas e como comunidade, saibamos honrá-las! Com certeza, essa, sempre, será nossa melhor homenagem ao casal Jones, a todos os nossos fundadores, e ao nosso CCEPA, por todo o tempo que virá”.

Lamentou não ter privado com Elba, mas salientou ter aprendido a admirá-la pelos tantos depoimentos dos mais antigos da Casa e, principalmente, pelo carinho e pela admiração de Maurice demonstrava a ela, quando se referia à esposa.

Dirce prestou emocionada homenagem ao casal Jones

 Outros depoimentos

Convidados a usar da palavra, trabalhadores mais antigos do CCEPA, Salomão Jacob BenchayaMilton Medran MoreiraDonarson Floriano MachadoTereza SamáMarta Samá e Loanda Machado, todos eles com vasto histórico de convivência com Jones e Elba, ofereceram emocionantes depoimentos sobre o trabalho profícuo e dedicado do casal à instituição e à causa espírita.

No final, o filho mais velho do casal Jones, Ricardo, recordou lindos episódios familiares e também desenrolados na antiga SELC, ressaltando, notadamente, a sabedoria de Maurice e a ternura de Elba.

Descerramento da placa “Auditório Maurice Herbert Jones”

Placas descerradas

Em seguida, ocorreram as solenidades de inauguração das placas, nominando o auditório do CCEPA como “Auditório Maurice Herbert Jones”, placa descerrada pelo filho Ricardo, e da “Biblioteca Elba Jones”, descerrada esta pela filha Eunice, que também estava acompanhada do esposo e do irmão Marcus Jones.

Momento do descerramento da placa “Biblioteca Elba Jones”.

Compartilhe
Total
0
Shares